Life and Style

Life And Style - Luxury Marketing & Consulting
Cadastro denewsletter
As matériasmais lidas
@marcelolifeandstyle

25

07

Dicas para Feiras de Negócios de Sucesso – Palestra Ajorio

Categorias: Consumo

Dicas Feiras de Negócios

Numa época de mercado instável, concorrência acirrada e desafios para crescimento, investir em feiras e eventos não é somente a saída para divulgar conceitos e expor produtos, mas uma diferenciação competitiva. 
 
Marcelo Novaes apresenta “Cinco dicas para se dar bem em Feiras de Negócios”, um workshop com duração de 8 horas que tem como objetivo preparar sua marca para ter ainda mais chances de sucesso durante um evento de negócios.
 
Abaixo, segue o programa que será trabalhado durante o encontro que acontecerá no dia 28/07, na sede do Sistema AJORIO, das 09h às 18h.
 
PROGRAMA
 
1. Cenário: oportunidades além das feiras
 
- Vantagens de participação de feiras análise das principais feiras
 
- Análise do perfil das feiras
 
- Análise SWOT
 
2. Preparação: a importância do planejamento
 
- Mix de produtos 
 
- Listagem de preços
 
- Plano de marketing
 
3. Showtime: a prospecção de oportunidades
 
- Montagem exposição 
 
- Dicas de atendimento
 
- Negociação
 
4. Pós-Feira: monitoramento de resultados
 
- Pós-Feira – trabalho a longo prazo
 
- Fidelizando o cliente
 
- Atendendo expectativas
INFORMAÇÕES E INSCRIÇÕES
2220.8004  -  info@ajorio.com.br
Postado por: Marcelo Novaes

27

05

Feiras de Negócios – 5 dicas

Categorias: Design

Numa época de mercado instável, concorrência acirrada, e desafios para crescimento, investir em feiras e eventos não é somente a saída para divulgar conceitos e expor produtos mas também cria diferenciação competitiva.

Como primeiro trabalho de consultor de marketing e vendas para o SebraeRJ, fui contratado pela entidade para uma consultoria para as marcas do grupo  OITIS 55, um coletivos dos mais talentosos jovens designers do Rio de Janeiro.

Consultoria Feira de Negócios Oitis 55

Reunindo um grupo que atua na fabricação de móveis, luminárias, utilitários, o Sebrae ainda oferece ao grupo oportunidades de participação nos mais importantes eventos de design no Brasil e no exterior, como a Paris Design Week em Paris. Fato é que o Sebrae acredita que empresas devem sim investir no preparo e na capacitação antes de embarcar nos desafios de participação de feiras.

Oitis55_ParalelGift

Neste sentido, desta vez, o Sebrae patrocinou o stand do grupo Oitis 55na 24a edição da Paralela Gift, uma das feiras mais importantes da cena do design contemporâneo da América Latina. Focada na abertura de novos negócios junto ao mercado do atacado, a consultoria foi oportunidade para discutir  estratégias para o sucesso de designers em feiras de atacado.

1. POSICIONAMENTO – conheça seus pontos de forças, fraquezas

A primeira – e muitas vezes esquecida – dica para o sucesso do investimento numa feira de negócios é passar por uma avaliação SWOT. Esta ferramenta amplamente difundida no meio do marketing é fundamental para que a marca perceba seus pontos internos de  forças, fraquezas e pontos de ameaças e fraquezas em relação ao mercado. Essa análise facilita o discurso de apresentação e posicionamento durante a feira.

2. MIX DE PRODUTOS  - conheça seu público, escolha produtos certo.

A curadoria do mix de produtos é fundamental para alinhar acertos tanto de vendas, como na divulgação institucional da marca. Um mix de produtos conceituais e comerciais funciona para expandir a atuação que se espera ter como resultado da feira. A escolha deve estar de acordo com o projeto de layout do stand.

3. VISUAL MERCHANDISING

A seleção dos produtos é fundamental para um projeto de visual merchandising interessante e que comunique clareza e atraia o público. A definição prévia do lay out do stand pode influenciar a melhor exposição de produtos, a narrativa de apresentação dos produtos, e propor idéiias de jogos de produtos a serem promovidos em conjuntos. Um VM organizado mostra profissionalismo – pensando com antecedência, pode eliminar problemas de última hora na hora de montagem do stand.

4. PLANO DE MARKETING

Elaborar uma apresentação de produtos em Ipad pode ser valioso como suporte par apresentação dos produtos. Ser organizado para registrar os contatos de compradores e visitantes será fundamental par ações de marketing pós evento. Pen drives para serem distribuídos para visitantes e compradores em potencial pode ser ótima iniciativa. Lembrando que a participação de feiras visa promover marcas em busca de visibilidade, pode ser válido pensar brindes que possam ser disponibilizados para visitantes especiais. Filmes que mostrem o processo de criação dos produtos é estratégia envolvente e conquista interesse de fãs para a marca.

5. LISTAGEM DE PREÇOS

É fundamental seguir para o evento com preços pré-definidos. Mesmo visando vendas em quantidade, é muito importante perceber a política de preços que será adotada. Uma dica é definir o preço mínimo do produto e depois deixar para o comprador adicionar o seu mark up. Uma lista digital de fácil acesso pode ser a melhor e mais profissional ferramenta. Afinal, vender é um dos objetivos das feiras.

Neste sentido é importante por fim lembrar que o sucesso de participação em feiras é um processo construído a longo prazo. Um dos pontos importantes é perceber que participações em feiras são oportunidades de auto avaliação contínua e valiosa para a formação, identidade  e percepção de valor de uma marca.

 

Postado por: Marcelo Novaes

23

02

Conceitos da Joalheria Contemporânea

Categorias: Design

 Joalheria Contemporânea – Poderoso Acessório de Estilo faz parte do menu de palestras LifeAndStyle para informar e capacitar grifes, designers, consultores e consumidores sobre os benefícios e conceitos da alta joalheria contemporânea. Com foco em macro tendências, as palestras LifeAndStyle refinam o conhecimento sobre joalheria, marketing, varejo e comportamento de consumo na atualidade.

 joalheira contemporênea

Para abordar os conceitos da joalheria contemporânea, é bom voltar no tempo e lembrar a evolução da moda no século XX. Até os anos 50, a alta costura, exclusiva e acessível para poucos, ditava a direção de tendências. A partir dos anos 60, a economia em alta, novas técnicas de produção, o jovem como novo agente na cadeia de consumo, é deflagrado o prêt-a-porter, um sistema que democratizou o acesso `a moda dos grandes estilistas.

joalheria contemporânea

No caso da joalheria, a associação histórica com nobreza e realeza, além do próprio valor intrínseco de metais e pedras preciosas, estes foram alguns dos dificultadores para a evolução tardia do setor. Como já diria a visionária Coco Chanel: “Joias foram feitas para adornar e não para você parecer rica”.

joalheria contemporanea

 

Foi apenas a partir de meados dos anos 90, quando a mulher conquista independência profissional e torna-se um importante agente no mercado consumidor, que grifes joalheiras de todo o mundo começam a produzir joias com traços emocionais, com ares de acessórios de estilo. No fim do século XX o design joalheiro transcende aspectos tradicionais e assume traços contemporâneos. Nesta evolução, conheça algumas tendências macro do design de joias contemporâneas que valorizam estilo e personalidade.

 

joalheria contemporânea

Numa era onde o consumo valoriza sensações, intimidade, histórias, o design joalheiro mais que nunca deve trazer narrativas inovadoras com associações inesperadas, intimistas, que convidem e transformem o olhar. Mais importante que a raridade, o  design emocional trata do valor agregado na relação entre peça e usuário.

 

jóias contemporaneas

Durante séculos o homem olha para a natureza para inspiração de objetos que o cercam. Na joalheria, este fenômeno não é diferente. Diferente no entanto, é a maneira como a natureza passa a ser retratada na manifestação contemporânea. Assim como na arte, a joalheria tradicional valoriza a perfeição, a luz, o brilho…  já na joalheria contemporânea, muitas vezes é na sombra, na transparência, no formato irregular e assimétrico que surgem a unicidade e a graça.

 

joalheria contemporâneia

Numa época em que palavras sofrem desgastes pelo uso excessivo, LUXO ainda refere-se  `aquilo que não é necessário… ou seja, longe de aspectos funcionais e muito mais ao que representam. Neste sentido a joalheira contemporânea renegocia simbolismos, associando-se a setores da moda, das artes, da arquitetura e ganhar o frescor da criatividade, de novos modelos e significados.

 

joalheria contemporânea

Assim como na moda, a joalheira enfrenta a sombra da cópia “pirata”. Da mesma forma que marcas como a Louis Vuitton investem milhões na criação de novas tecnologias para criar estampas e forros de suas bolsas, a joalheira contemporânea busca na tecnologia o aliado para criar novos tons de ouro por exemplo, com fórmulas patenteadas mundialmente, e tão secretas quanto fórmulas de sucesso mundial.

 

joalheria contemporânea

Atualmente, vemos a própria joalheria com o foco em pedras preciosas sofrendo um “rejuvescimento” suadável e natural. Na procura para seduzir demandas do novo consumidor, cravações mais leves, com menor intervenção de metal, inspiradas em temas, utilizam até mesmo pedras anteriormente ditas “menos nobres”. É o design rejuvenescendo o clássico… Como diria mademoiselle Chanel: “Para ser impecável, a mulher deve ser diferente”.

Para concluir, voltamos ao paralelo joalheria | moda… hoje não é exagero dizer que a joalheria tradicional (que valoriza técnica, raridade e status social) está para a alta costura assim como a joalheria contemporânea (que valoriza a inspiração, histórias e o estilo individual) está para o prêt-a-porter na moda! É bom pensar como a joia correta consegue enaltecer o o look mais clean e monocromático … numa sociedade onde consumo funde-se ao próprio conceito de individualidade, é importante entender tendências macro e saber comunicá-las ao consumidor… aliás, é este o objetivo deste post e da consultoria que o LifeAndStyle vem propor ao mercado do design contemporâneo.

Conheça os demais conteúdos, palestras e consultorias LifeAndStyle nas aréas de moda, design, marketing, varejo, joalheria , clicando aqui.

*joias das imagens: Chanel, H.Stern, Tiffany’s, Chaumet.

 

Postado por: Marcelo Novaes